Blog

Você sabe porque você acumula gordura abdominal?

Pança, pneuzinho, pochete, barriga de cerveja - os nomes variam, mas o significado é o mesmo: gordura abdominal. Existem muitos possíveis motivos para o aumento da gordura abdominal.🤔 Então, listei os que na minha prática clínica e de acordo com os estudos mais recentes são os 4 principais.


Mas, primeiro entenda a diferença entre gordura abdominal e gordura visceral. Você conhece alguém que tem gordura no fígado (em termos técnicos: esteatose hepática)?

Essa gordura envolve os órgãos de uma pessoa enquanto a subcutânea é a gordura que fica sob a pele. Ambas são tratadas com alimentação e mudança de estilo de vida.





Mas, pensando no que te faz acumular a gordura subcutânea abdominal, se atente para estes pontos:


1) Má alimentação

Alimentos com açúcar refinado, como doces, bebidas açucaradas como suco de caixinha, refrigerantes;

Carboidratos simples, como: massa, pão, bolo, biscoito, alimentos com "farinha de trigo enriquecida com ferro e ácido fólico".

Alimentos industrializados com gordura trans (exemplo: fast foods, sorvetes, margarina, miojo, salgadinho de pacote, biscoitos recheados, pipoca de microondas ...).


2) Cortisol alto

As células da gordura da barriga, que são viscerais e subcutâneas, tem um pouco mais de receptores de cortisol. Por isso, se já estamos com o cortisol elevado, por uma rotina mais estressante, por privação de energia com dietas restritivas, horários desajustados, pela falta de um cardápio ideal, consumo excessivo de álcool, tendemos à acumular mais gordura na região abdominal.

3) Alterações no sono

Um sono de má qualidade, insônia, alterações na rotina e a falta de descanso adequado podem afetar não só o seu bem-estar e sua disposição e todo o controle hormonal ao longo do dia. Muitas vezes quando não dormimos bem, ficamos havidos pelo consumo de doce e carboidratos, além de gerar um descontrole em relação ao cortisol.

4) Sedentarismo

Além de contribuir para um maior cansaço, desajuste hormonal, o sedentarismo faz com que a pessoa não gaste tantas calorias, sofrendo muitas vezes com o ganho de peso.






Recentes